6 de novembro de 2005

Azul infinito

A Ilha Graciosa já é famosa pela qualidade dos seus fundos marinhos. A visibilidade é normalmente muito boa, cerca de 20 a 30 metros, enquanto as suas águas podem atingir temperaturas de 18 a 24 graus. A fauna é variada e rica (por enquanto…), constituída essencialmente por meros, bicudas, atuns, serras, moreias, lírios, xaréus, mantas, etc.. O coral negro também é de um beleza rara, despertando uma enorme curiosidade nos mergulhadores e que se pode encontrar em locais específicos ao redor da Ilha.
As nossas baixas, os naufrágios e os ilhéus, constituem um património subaquático que importa preservar e dar a conhecer. Proporcionam aos visitantes, mergulhos de baixa e média dificuldades, que vão ao encontro do desejo de mergulhadores principiantes e também dos mais experientes.
Esta actividade vive um período de franco crescimento e também é dinamizadora de actividades paralelas ligadas ao comércio, como a restauração e a hotelaria.
A organização, em Setembro de 2004, do Campeonato Nacional de Fotografia Subaquática foi, em conjugação com o enorme esforço feito na divulgação e promoção do evento, uma das molas impulsionadoras que permite dizer hoje, que as actividades subaquáticas na Graciosa já constituem um nicho de mercado muito importante, não só pela quantidade de pessoas que tem arrastado atrás de si, mas também porque envolve normalmente gente com bom poder de compra. Esta prova foi capa das revistas da SATA do Verão de 2005, do Mundo Submerso e Notícias do Mar. Além disso foi realizado um programa divulgado 3 vezes na RTP-Açores e RTP-Internacional.
A oportuna candidatura à organização de um “Open”, o I Open Fotosub Graciosa 2006, também de fotografia subaquática, já é um bom indício do entendimento de que agora não se pode parar. Foi seguindo estes passos que a ilha El Hierro, a mais pequena ilha do arquipélago das Canárias, se transformou num dos melhores destinos de mergulho de toda a Europa, sendo esta, neste momento, uma actividade com relevante interesse económico para aquela ilha.

1 comentário:

mariana disse...

gostei de visitar o blog!
Vou linká-lo.
Beijinhos